Caminhoneiros fazem protestos nas estradas contra aumento de combustíveis
01/08/2017 - 14h28 em Brasil

 

 

 

Caminhoneiros fazem protestos nas estradas contra aumento de combustíveis

Alguns atos bloqueiam pistas em rodovias do país. Manifestações são parte de greve nacional dos transportadores de cargas.

 

aminhoneiros fazem protestos em estradas do país nesta terça-feira (1º) contra o aumento dos impostos sobre os combustíveis, que encareceu o preço nos postos. Até as 10h30, havia registros de atos em rodovias de São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Mato Grosso, Santa Catarina e Espírito Santo – alguns deles com bloqueio de pistas.

No último dia 20, o governo anunciou um decreto aumentando a alíquota do PIS e Cofins sobre os combustíveis. A tributação sobre a gasolina subiu R$ 0,41 por litro; a do diesel, R$ 0,21; e a do etanol, R$ 0,20 por litro.

 
Tabela com a alta dos combustíveis (Foto: Ministério da Fazenda )Tabela com a alta dos combustíveis (Foto: Ministério da Fazenda )

Tabela com a alta dos combustíveis (Foto: Ministério da Fazenda )

O decreto chegou a ser suspenso por decisão de um juiz da 20ª Vara Federal de Brasília em 25 de julho. A Advocacia Geral da União recorreu e, no dia seguinte, o Tribunal Regional Federal (TRF-1) anulou a decisão que suspendia o aumento.

A mobilização também pede mais segurança nas estadas, preço mínimo para o frete e aposentadoria diferenciada para os caminhoneiros.

 

Veja como ocorrem os protestos de caminhoneiros nos estados

 

 

  • Bahia

 

 
Protesto fecha rodovia BR-116, em Feira de Santana, nesta terça-feira (1º) (Foto: Fábio Santos/ Voz da Bahia)Protesto fecha rodovia BR-116, em Feira de Santana, nesta terça-feira (1º) (Foto: Fábio Santos/ Voz da Bahia)

Protesto fecha rodovia BR-116, em Feira de Santana, nesta terça-feira (1º) (Foto: Fábio Santos/ Voz da Bahia)

 

Os protestos de caminhoneiros ocorrem em ao menos três trechos de rodovias baianas, na manhã desta terça, de acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE). A categoria realiza bloqueios no km 522 da BR-116, no trecho da cidade de Itatim; no km 422 da BR-116, em Feira de Santana; e no km 430 da BR-324, em Riachão do Jacuípe. Os bloqueios deixam o tráfego congestionado nas rodovias, segundo a polícia.

 

  • Espírito Santo

 

Caminhoneiros protestam no acostamento do km 301 da BR-101, no entroncamento com o km 11 da BR-262, em Viana, na Grande Vitória, na manhã desta terça. A Polícia Rodoviária Federal (PRF-ES) informou que o ato, que faz parte da greve nacional dos transportadores de cargas, começou por volta das 5h40 e não atrapalha o fluxo de veículos.

 

  • Mato Grosso

 

 
Caminhoneiros colocaram pneus e pedaços de madeira sobre a rodovia bloqueada em Mato Grosso (Foto:  Ivan de Jesus Santos/Rádio Centro América)Caminhoneiros colocaram pneus e pedaços de madeira sobre a rodovia bloqueada em Mato Grosso (Foto:  Ivan de Jesus Santos/Rádio Centro América)

Caminhoneiros colocaram pneus e pedaços de madeira sobre a rodovia bloqueada em Mato Grosso (Foto: Ivan de Jesus Santos/Rádio Centro América)

Caminhoneiros bloquearam três trechos da BR-163 e da BR-070 na manhã desta terça. Segundo a PRF, os bloqueios e protestos ocorrem nos seguintes trechos: no km 747 da BR-163 em Sorriso, a 420 km de Cuiabá; no km 689 da BR-163 em Lucas do Rio Verde, a 360 km de Cuiabá; e no km 5 da BR-070 Barra do Garças, a 516 km da capital. Os caminhoneiros colocaram pneus, faixas e pedaços de madeira nas pistas e estão permitindo a passagem de cargas vivas, medicamentos ou veículos oficiais.

 

 

  • Minas Gerais

 

A manifestação dos caminhoneiros começou na madrugada desta terça no km 361 da BR-381, em João Monlevade, na Região Central do estado. Segundo a PRF, a rodovia está liberada para a passagem de carros e ônibus. Eles bloquearam um das pistas com fogo. O protesto faz parte da greve nacional dos transportadores de cargas.

Em Divinópolis, no Centro-Oeste mineiro, há manifestação na MG-050. Os caminhoneiros estão parando no acostamento da rodovia. O trânsito não foi bloqueado, mas está lento e os motoristas devem ficar atentos.

 

  • Santa Catarina

 

 
Ato de caminhoneiros faz parte de manifestação nacional (Foto: Autopista Planalto Sul/Divulgação)Ato de caminhoneiros faz parte de manifestação nacional (Foto: Autopista Planalto Sul/Divulgação)

Ato de caminhoneiros faz parte de manifestação nacional (Foto: Autopista Planalto Sul/Divulgação)

Caminhoneiros fecham na manhã desta terça a BR-116 em Santa Cecília, na Serra catarinense. Às 6h, a rodovia foi interditada para a passagem de caminhões em ambos sentidos no km 133. Veículos de emergência e de passeio estão passando normalmente.

A PRF afirma que os veículos estão no acostamento, e alguns manifestantes abordam outros caminhoneiros nas pistas. Até as 7h50, cerca de 150 caminhões estavam no local e não havia congestionamento, segundo a PRF.

A Autopista Planalto Sul, concessionária responsável pela rodovia, informou que às 9h começaram manifestações no km 184 da BR-116, em São Cristóvão do Sul, no entroncamento com a BR-470, e no km 245, no município de Lages, no entroncamento com a BR-282.

 

Em Itajaí, caminhoneiros protestam às margens da BR-101. Segundo a PRF, a concessionária Autopista Litoral Sul obteve uma decisão judicial que pune quem bloquear a via.

 

  • São Paulo

 

 
Caminhoneiros protestam na Rodovia Alcídio Balbo em Sertãozinho, SP (Foto: Ronaldo Gomes/EPTV)Caminhoneiros protestam na Rodovia Alcídio Balbo em Sertãozinho, SP (Foto: Ronaldo Gomes/EPTV)

Caminhoneiros protestam na Rodovia Alcídio Balbo em Sertãozinho, SP (Foto: Ronaldo Gomes/EPTV)

Em Ribeirão Preto, cerca de 40 caminhões foram estacionados às margens da Rodovia Alcídio Balbo, entre Sertãozinho e o distrito Cruz das Posses, mas não há congestionamento no trecho. O grupo também protesta contra o aumento das tarifas de pedágio nas estradas paulistas e exige o reajuste do valor cobrado pelos fretes, assim como a aprovação do preço mínimo para o frete e da aposentadoria diferenciada para a categoria.

A previsão é que os manifestantes realizem uma carreata nas próximas horas, passando por Pontal e Sertãozinho, até Ribeirão Preto. 

 

Em Santos, caminhoneiros que atuam nas cidades da Baixada Santista, no litoral de São Paulo, bloquearam a alça de acesso ao Porto de Santos e provocam congestionamento na rodovia Anchieta. Por volta das 8h30, a fila de caminhões já seguia por mais de 3 quilômetros.

Segundo a Ecovias, concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes, os caminhoneiros bloquearam a alça de acesso a Anchieta, no km 64 da rodovia. A faixa da esquerda foi totalmente bloqueada e a da direita ficou liberada para o tráfego de veículos. 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Slides não definidos